Quem sou eu

Minha foto
Nasci em 1980 e desde menina leio os poemas de minha mãe, Asor Vacholz (ela dizia que eles ganhavam vida com minha voz). Foi na adolescência(aos 15 anos) que descobri a grandeza de escrever o que eu sentia, pensava, sonhava e imaginava em forma de poesias. Escrevendo eu superei a minha conturbada adolescência, a minha solidão e meus momentos de tristezas. Parei de escrever aos 20 anos por falta de tempo, dividida entre faculdade,trabalho e casamento. Hoje já bacharelada em Administração e pós graduada em Controladoria parei de estudar e achei um tempinho para voltar a escrever. Conheci a poeta Milena Medeiros que me incentivou a publicar as poesias. Foi através dela que comecei a blogar. Agora estou aqui, fascinada, descobrindo este novo mundo que se descortina para mim. Sejam todos bem vindos, e se tiverem oportunidade visitem meu blog de artes http://livaarts.blogspot.com/

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Inverno

Hoje cedo ao levantar, senti meu corpo congelar com o frio, tive vontade de voltar correndo para minha cama quentinha. Claro fiquei só na vontade, meu trabalho me esperava.
Tomei um banho quente, coloquei diversas blusas até sentir me mais ou menos aquecida debaixo daquele monte de roupas, criei coragem e e sai para o trabalho.
Liguei o ar condicionado do carro e comecei a cantar, sempre canto dentro do carro, minha voz calou quando vi em baixo do toldo de uma loja um homem dormindo, ele estava embrulhado com papelão na tentiva de se aquecer.
Naquele momento senti que o brilho do meu dia tinha se apagado, lembrei que enquanto eu tenho minha cama, meus cobertores existem pessoas que não tem o mesmo privilégio.
Levei meu pensamento a Deus e fiz o que eu podia fazer naquele momento, entregar todos os pobres e necessitados nas mão de Deus.
Me senti mais tranquila com a oração, pois sei que agora ele está em boas mãos.

Nenhum comentário: